domingo, 30 de março de 2014

BES Run Challenge 2014 Cascais

Duas semanas depois da Meia Maratona de Lisboa e do misto de emoções que esta me deixou, chegou a altura de voltar a abraçar provas com distâncias mais baixas. Ainda não foram as minhas prediletas provas de 10km, mas os 12,2km desta prova em Cascais pouco diferiram da referida distância.

No início da semana já se sabia o que se avizinhava neste dia: chuva e vento. E as previsões em nada se enganaram. Se por um lado a chuva não faz confusão mas atrasa sempre a passada, o vento é a condição climatérica que eu mais desprezo, pois só quem corre tem noção o que é levar com vento de frente e ver o ritmo a diminuir abrutamente apesar do esforço estar a ser muito maior que o suposto.

Apesar do tempo, a HMS esforçou-se e na minha opinião conseguiu fazer uma organização bastante boa (era imperativo depois do falhanço dos 20km Cascais), organizando a prova por vários blocos como já aconteceu o ano passado, evitando assim alguma da normal confusão na partida. Graças ao tempos que consegui no ano anterior, tive acesso ao bloco de Sub40, tendo assim o privilégio de praticamente partir sob a linha de partida. Tendo em conta a anormal distância, apenas tinha pensando na média que queria fazer (independentemente das condições climatéricas), impondo a mim mesmo uma média de 3:50/km no final da prova.

Devido ao facto de partir junto a atletas que têm muito mais anos e andamento que eu, isso motivou-me psicologicamente e tentei sempre acompanhá-los, embora mentalmente só pensava na burrice que poderia estar a fazer e que seria inevitável quebrar a meio da prova. Após os primeiros quilómetros da prova, apesar de não ter quebrado, acabei por ficar uns segundas atrás do grupo com quem seguia, ficando assim sozinho e aí pensei mesmo que iria quebrar psicologicamente e fisicamente. Felizmente isso não aconteceu e tornei a apanhar alguns atletas que tinha acompanhado no início descolando mesmo de alguns após a viragem aos 6km e principalmente depois da “chapada” de vendo que levámos na segunda metade da prova. Nos últimos quilómetros fui a acompanhar o ritmo da primeira atleta feminina da prova, tendo chegado uns segundos à frente dela (nada de machismos aqui :).

Acabei com um tempo de 45:49, ficando em 32º da geral (de 2409) e 11º do meu escalão (de 490), um excelente resultado para quem é um autêntico amador e não pode despender de tanto tempo para treinar como seria desejável. 


Por último, de referir que esta foi a minha primeira prova a sério pela minha empresa, mais concretamente o portal de eventos Weventual (passando a publicidade). A próxima prova não sei qual será. Apesar de estar inscrito na BES Run Challenge de Sintra, gostava de fazer qualquer coisa antes dessa, mas o tempo o dirá. Por agora o objetivo é treinar e voltar aos meus treinos intervalados!

5 comentários:

  1. Grande prova Vitor...parabéns. Abraço e boa semana.

    ResponderEliminar
  2. Excelente! Corres comó caraças! Muito bom!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado Filipe, tu não me ficas atrás!

      Abraço!

      Eliminar
  3. Isso daria uma boa marca nos 10000!
    Boa prova, parabéns!

    ResponderEliminar