segunda-feira, 18 de maio de 2015

21ª Corrida da Cidade de Vendas Novas

Mais uma moedinha mais uma voltinha. Ou como quem diz, mais um fim de semana mais uma prova. A semana que antecedeu a prova foi algo atribulada, os treinos foram feitos mas as pernas ficaram realmente com bastantes mazelas da prova de Belém. Se calhar para a próxima época vou ter de insistir mais em treinos de força, não posso ficar com as pernas tão doridas só porque a prova tinha umas descidas mais violentas.

Graças ao Correr Lisboa, lá fui para Vendas Novas (não tinha ideia que era tão longe...) para um "abre olhos" com os atletas que lá estariam. Olhando para as classificações dos outros anos, os tempos assustavam. Bem, mas na companhia do João Oliveira, lá se fez um aquecimento jeitosinho que deu até para transpirar tal era o calor que já estava.

Dada a partida, fiquei num segundo grupo (o da frente ia a ritmos loucos para mim) e segui o 1ºkm num bom ritmo sentindo-me bem. O grupo foi-se partindo e durante o 2º km sinto o pé direito um pouco solto. Penso logo "não acredito...", olho para baixo e vejo os atacadores a voarem livremente e juro que falaram comigo! Disseram "então seu estúpido, não sabes apertar os ténis com 25 anos?!". Enfim. Não sabia muito bem o que haveria de fazer, deixei-me andar algumas centenas de metros e percebi que poderia continuar assim. Não parecia haver o risco de ficar descalço e apenas tinha de lidar com os atacadores a bater-me no gémeo da perna esquerda.

Fonte: Corrida Vendas Novas
Durante os primeiros 5km o ritmo saiu como planeado mas depois da viragem veio desgraça. Uma mistura de inclinação com o calor abrasador que causou um grande quebra no andamento. Mas a verdade é que não perdi lugares com essa quebra, pois a quebra foi generalizada. Penso que ultrapassei alguns atletas mesmo assim, lembrando-me apenas de um que me ultrapassou quando seguia com um pequeno grupo.

Depois de muitas voltinhas nos últimos 2km, seguiu-se finalmente a reta final que parecia nunca mais acabar. Passei a meta com o tempo oficial de 35'02'', terminado em 17º da geral (de 425 classificados) e em 9º do escalão. O resultado não foi espetacular mas por outro lado fica para a (minha) história pois foi a primeira vez que recebi um prémio monetário! Deu para o gasóleo eheheh :)

Fonte: AMMagazine
Apesar de ter gostado de ir correr a uma localidade diferente do normal, estava à espera de mais público e de mais entusiasmo da população. Contavam-se pelos dedos as pessoas ao longo do percurso. Por outro lado, nada a dizer sobre a organização, impecável! Abastecimentos, brindes, balneários e banhos, prémios, enfim, já são 21 anos de experiência e sabem o que atrai os atletas com mais andamento. Obrigado Correr Lisboa pela inscrição!

Bem e para a semana, deixa lá ver a agenda... vou a Burinhosa à 9ª Corrida ao Farol!

Resultados: 21ª Corrida da Cidade de Vendas Novas

12 comentários:

  1. Parabéns Vitor!!! Vendas Novas até nem é assim tão longe pah! :p Passo por lá sempre que vou para o Alentejo :) E não me digas que não comeste uma das famosas bifanas depois da corrida para repor energias... lol

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado Bruno :) epa com o calor que estava a viagem custou um bocado lol

      Epa estava com essa ideia antes da prova mas depois nem sequer me lembrei! Shame on me!

      Um abraço

      Eliminar
  2. http://www.runnersworld.com/running-shoes/fit-to-be-tied

    Pronto, é serviço publico eu, não precisas de agradecer :)

    Parabéns pelo prémio e pelo gasóleo que não pagaste!

    Olha que também há, dizem, para aí umas técnicas que ajudam nas descidas e não provocam tanto esforço.

    Se eu soubesse até explicava mas assim...

    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eheheh pronto agora já sei como apertar os atacadores :D

      Obrigado! Pois eu a única técnica que conheço é inclinar o corpo ligeiramente para a frente (coisa que à uns bons meses não fazia, o que me fazia travar nas descidas...)

      Abraço!

      Eliminar
  3. Bem! Nem sei o que te diga Homem!

    Então paras para atar os ténis e ainda fazes 35'02"?? Damn!!!!!!

    "Dada a partida, fiquei num segundo grupo (o da frente ia a ritmos loucos para mim)", conhecendo a velocidade a que tu voas, só posso concluir que a malta do primeiro grupo ia sentados dentro do carro relógio!!!! Só pode.... Eheheheheeh

    Um grande abraço! Muitos parabéns!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado Sérgio! Um pormenor eu não cheguei a parar :)

      Mas sim o pessoal da frente andava muito, Hermano Ferreira e assim. Muito dinheiro em jogo já se sabe! eheh

      Um abraço

      Eliminar
  4. grande tempo sem calor fazias ai menos um minuto.
    Força campeão.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado José! Sim o calor teve grande influência, penso que conseguia melhor realmente.

      Um abraço!

      Eliminar
  5. Se isso já dá para o gasóleo... Tótil! :)

    Parabéns pela tua prestação, com atacadores a esvoaçar e tudo! Muito bom! Continua com essa força!

    Os teus ténis duram 25 anos?? Os meus ao fim de ano, ano e meio vão à vida! LOL

    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado Luis! Sim já foi bom dar para o gasóleo eheh

      O que eu quis dizer é que tenho 25 anos e não sei apertar os ténis! :p

      Um abraço!

      Eliminar
  6. Gente fina é outra coisa.... agora já se ganham prémios monetários e tudo :) ... Parabéns!!!
    Aquele abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado Carlos! Foi a primeira vez, não sei se se irá tornar a repetir :)

      Abraço!

      Eliminar