quinta-feira, 14 de janeiro de 2016

Análise ASICS DS Trainer 20: Parte 2

Na primeira parte da análise que fiz a este modelo fiz muitos elogios. Os mesmos continuam a ser merecidos no entanto tenho de fazer apenas alguns apontamentos agora que vão com cerca de 800km.

ASICS DS Trainer

ASICS DS Trainer

ASICS DS Trainer

Como podem ver nas fotografias acima o tecido dos ténis não é muito durável. Não tinha nada a dizer se isso tivesse acontecido à pouco tempo. O problema é que a zona do calcanhar/tendão de aquiles começou a desgastar-se logo aos ~300km. Apesar de eu não ter pago o preço original, penso que nuns ténis que custam originalmente entre 130€-140€, não se pode admitir que haja um desgaste tão rápido do tecido.

Dado que são ténis para treinos intensos, são ténis que acabam por ter um maior desgaste a nível de amortecimento. A partir dos ~600km nota-se que o amortecimento já não está grande coisa, no entanto continuo a treinar com eles sem qualquer problema, seja em estrada, terra batida ou pista.
ASICS DS Trainer
Asics DS Trainer 21 (sola)
Fonte: Running Warehouse
Por último, um dos grandes elogios que tinha feito à Asics foi o fato de adicionarem uma zona na parte da frente da sola que dá mais aderência em pisos molhados. Foi uma evolução, o problema é que se nota claramente a falta de aderência na zona do calcanhar, onde não existe nenhum material que proporcione esta aderência. Em piso molhado sinto claramente a parte de trás do pé sem aderência e a parte da frente a agarrar ao chão. Nada que se compare às solas das Continental usadas pelas Adidas. Infelizmente os DS Trainer 21 já foram lançadas e a sola mantém-se praticamente igual...

Como dizem os ingleses, nenhuma destas coisas são um deal breaker. E a prova disso está que tenho uns novos que estreei à uma semana e que estavam guardados desde Setembro à espera que os irmãos dessem o estoiro :)

ASICS DS Trainer


Podem ver a primeira parte da análise aqui: http://www.aquelequegostadecorrer.com/2015/08/analise-asics-ds-trainer-20.html


14 comentários:

  1. esse desgaste no calcanhar, estou a ver que é "imagem de marca" da asics :) Também tenho uns com 5 meses (não devem ter mais que 300-400km actualmente) e tem esse desgaste...que já apareceu há mais de 1 mês... mas tal como tu, continuo a gostar deles (GT2000). Boas corridas!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois está visto que sim, ainda nem tinha pensado nos modelos que já tive. Em todos realmente aconteceu me isto. É um pouco incompreensível!

      Eliminar
    2. Tenho kayano com 1500kms e não estão nesse estado. Tenho excel33 com 600km e não estão nesse estado.

      Eliminar
    3. Tenho kayano com 1500kms e não estão nesse estado. Tenho excel33 com 600km e não estão nesse estado.

      Eliminar
  2. É geral, nos Nimbus também acontece o mesmo no calcanhar em todos os pares que gastei, duns 700 Kms para cima, no meu caso, uso sempre daquelas meias de algodão que se compram nas feiras, as que havia antigamente, antes de haver tanta coisa para o "running". Não sei se influencia ou não no desgaste

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tal como disse em cima realmente ainda nem me tinha apercebido que em todos os outros Asics que já tive, isto aconteceu. Curioso que em Adidas que já tive e tenho nunca aconteceu..

      Eliminar
  3. 800km nuns tenis?! Acham pouco...? Hummm
    O aconselhado é usar os mesmos para distancias medias/longas entre 400/600... Devido à perda de amortecimento!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isso depende de inumeros factores.
      Os tenis que uso são os Lunarglide, e com os varios pares que tenho nenhum deles faz menos de 1500km. Apenas troco para novos quando vejo que a sola já está muito gasta.

      Eliminar
    2. Isso é apenas o que as marcas nos dizem para nos fazer comprar mais e mais...

      Até agora nunca fiz menos de 1000/1200km com todos os pares de ténis que tive e conheço quem faça 1500km ou mais com ténis que têm amortecimento superior ou normal (tipo Nimbus ou Kayano).

      Mal de nós se uns ténis só durassem 400/600km... quase que nem um mês passava sem gastar dinheiro num par de ténis. Assim o atletismo ficava bem mais caro que andar num ginásio!

      Eliminar
  4. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
  5. Para mim, nunca encosto uns ténis com menos de 800 kms, e mesmo assim ficam para caminhadas e ciclismo, etc

    ResponderEliminar
  6. Já tive inumeros pares de asics e de modelos diferentes e nunca aconteceu.

    Já uns GT 20.. da minha mulher rasgaram o textil mas da frente, isto com...100/150 km!

    O meu sobrinho também destruiu o calcanhar, tal como tu, não faço é ideia da quilometragem.

    Resumindo, parece que é um mal quase geral e eu tenho tido uma sorte do ...muita sorte :)

    Quanto à aderência tenho que concordar na totalidade.

    Não a comparação com com a Adidas, que continuo a não atinar com a toe box e portanto não uso há anos, mas por exemplo com a Mizuno, a diferença é abismal!

    Com a Mizuno, em vários modelos também, até em calçada molhada a descer tinha aderência, só de pensar nisso com os Asics fico com arrepios.

    Em como sou um atleta de porte vá...forte, dificilmente aguentam 1000km, apenas pela questão do amortecimento, solas apenas gastei uns...Mizuno.

    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Um dia tenho de experimentar Mizuno.. Por enquanto ainda não experimentei nenhuns que me sentisse confortável a nível da planta do pé. Para mim é um dos pormenores principais!

      Abraço

      Eliminar