31ª Corrida dos Sinos

E com esta Corrida dos Sinos, finalmente as provas voltaram a sério!

Dado que moro numa aldeia na região de Sintra, não tive grandes dificuldades em chegar a Mafra, evitando autoestradas e sem pressas nenhumas. Excelente temperatura, com o sol a dar, por vezes, o ar da sua graça. Destaque para as excelentes acessibilidades para esta prova, com muito sitio de estacionamento na zona de partida. 

Após a Fernanda do CDUL me dar o meu dorsal, eu e o Miguel lá fomos para o ritual do aquecimento. Como já aconteceu algumas vezes, pomos-nos a brincar com o tempo, e depois temos de 'trabalhar' bastante para nos enfiarmos num lugar de jeito na partida. Temos mesmo de nos começar a despachar :p

Sendo a minha primeira corrida dos sinos e não sabendo mesmo o percurso que iríamos fazer (durante a corrida apercebi-me que conhecia perfeitamente todo o percurso, com o pormenor de já o ter feito diversas vezes, mas de bicicleta), tinha apostado em fazer menos de uma hora, dado não estar nas melhores condições fisicas ainda, e já antecipando a única informação que tinha: a volta era sempre a subir.

Para fazer a prova numa hora, tinha pensado fazer os primeiros quilómetros a 4:00\km, acelerando quando o corpo começasse a pedir. O problema é que o corpo depois do primeiro quilometro e de toda a confusão normal a que este é associado, já estava a andar quase para 3:40, ao que eu tive de meter um pequeno travão, se não nem a meio chegava :) Acabei por fazer toda a corrida abaixo dos 4:00, sendo a única exceção o primeiro quilometro da volta, ou seja, sempre a subir! Ao passar na Aldeia Típica José Franco (Sobreiro) estava a dar em alto e bom som música pimba, e dado que o troço à ida era a descer, eu ia todo lançado e até me comecei a rir com a música, mas à vinda e com a música sempre a dar, a minha cara tinha tudo menos alegria estampada. É sem dúvida a marca do circuito.

À chegada, sendo sempre agradável chegar numa pista de atletismo, começo então a 'sprintar' para gastar as últimas energias, mas eis que me acontece uma estreia: um atleta de uma casa do Benfica que eu tinha ultrapassado no último quilometro passa em grande velocidade por mim antes da meta. É caso para dizer: cá se fazem, cá se pagam :) 


Gostei mesmo muito desta estreia nos sinos, excelente ambiente, circuito e organização. Só apenas um reparo a fazer: já que usam chips, podiam iniciá-los quando o atleta realmente passa pela partida, e não no tiro de partida. Eu e o meu colega Miguel, registamos ambos 15,2km de prova, em que eu fiz cerca de 59:30 e ele cerca de 01:02:00, e nos resultados finais aparecemos com quase um minutos a mais (coisa inédita para mim, ter um tempo menor no relógio do que o tempo liquido da organização da prova). Quanto à posição, fiquei em 33º do meu escalão (num total de 241 atletas), e em 104º da geral (num total de 1356 atletas).

Para a semana é a primeira prova do BES Run Challenge, em Cascais. Passado mais de três meses, a minha distância preferida: 10km! Vamos ver se vou conseguir cumprir os meus objetivos. Até lá, espera-me uma boa semana de treinos e de trabalho.

Beijinhos e abraços a todos!

31º Corrida dos Sinos
abril 7, 2013
1

Comentários

  1. Olá Vitor!
    Excelente participação!
    De facto deviamos ter o chip à partida mas... prontus. Nos vamos orientado com os nossos gadgets.
    beijinhos e boa semana

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Search

Popular Posts

Análise Domyos T900C

Finalmente, o prometido já há algumas semanas! Fiquem com a minha análise à p…

Zurich Maratón de Sevilla 2019

Há momentos na vida em que temos de decidir aquilo que nos define. Eu felizment…

Corrida da Árvore 2015

Sabem uma coisa? Já andava ressacado com falta de provas. Apesar de ter ido aos…

2020.

Acho que estas últimas semanas conseguem refletir bem o que 2020 está a ser. Es…

MultiSport Weekend Coimbra 2021

Não sei começar este artigo. A última vez que escrevi sobre uma prova foi em 16…

Contact Me