2ª Corrida das Festas de Loures

Então não estavas de férias? Sim foram duas semanas praticamente sem correr. Então estás em pré-época? Sim estou. Então e já estás a fazer provas? Nim. Também conhecido por sim e não. E que catano isso significa? Olha, significa a mesma merda de sempre e que é comum a todos nós. Fui a uma prova apenas para treinar (era a última prova do Troféu das Coletivivades de Loures) e acabei por ativar o meu chip competitivo. Típico não é?

Como tem acontecido desde que a equipa do Vale Grande foi criada, temos tentado escolher uma prova para fechar a época e fazer um convívio com todos os atletas e familiares. Este ano a prova escolhida foi a Corrida das Festas de Loures, que mais uma vez era por caminhos que já percorri umas poucas de dezenas de vezes.

Surpreendeu-me a quantidade de atletas presentes numa prova quase a roçar o final de Julho. Mais de 600 atletas, incluindo um bom número de atletas com outro andamento a dizerem presente. Eu para este dia tinha na agenda fazer o meu primeiro treino mais puxadinho da época: uns simples 40 minutos a um ritmo moderado. Uma coisa que em qualquer outra altura seria apenas mais um treino básico, mas após duas semanas parado e uma semana apenas com três treinos de 30 minutos, este treino até tinha tudo para doer um pouco. Acabou por doer muito.

Depois de um aquecimento tranquilo, fui andando para a partida, ficando bastante mal posicionado. Como o meu objetivo não era grande coisa, não me preocupei minimamente. O sinal de partida foi dado e quando dei por mim tinha um grande número de atletas à minha frente. Comecei num ritmo alto para o meu estado físico mas rapidamente ainda aumentou mais. Fui analisando os atletas que seguiam comigo e percebi que das duas uma: ou deixava-me ficar para trás e fazia o que era suposto, ou armava-me em parvo e começava a puxar para ajudar a minha equipa. Obviamente que me armei em parvo.

Os primeiros quilómetros foram dolorosos. Muito sobe e desce, e muita falta de pulmão para aguentar o ritmo que os atletas que me rodeavam estavam a impor. A certa altura vi o meu colega Kikas no horizonte e comecei a fazer contas: tendo em conta os atletas que me rodeavam, os atletas que estava à frente e os que estavam mais atrás mas muito perto de nós, a nossa classificação coletiva final ficava bastante ameaçada. Foi então altura de entrar em modo sofrimento máximo e deixar de ir simplesmente com aquele grupo de atletas e começar a puxar por aquele grupo e perceber quem vinha e quem ficava. Um/dois vieram, os outros ficaram. Missão cumprida.

Fonte: RUN 4 FFWPU
Mesmo assim foi com muito gosto que vi o Diogo Garcia, atleta da minha zona e que passo por ele em muitos treinos, a acompanhar-me (e nos últimos quilómetros a arrasar-me!) e a seguir comigo num excelente ritmo! Pelos 6km foi quando apanhei o Kikas e segui algum tempo com ele. Segui para a frente dele mas seguíamos sempre relativamente próximos.

Entrámos nos últimos quilómetros da prova e as pernas começaram a pesar. A pulsação essa nem se fala. Não costumo levar banda cardíaca em provas, mas como neste dia o objetivo era diferente levei e assustei-me com os valores: 186bpm de média com um pico máximo de 202bpm. Nem sabia que podia ter picos tão altos pois a fórmula mais simples diz-nos que 220bpm-idade (28 anos) deveria dar-me um máximo de 192bpm.

Fonte: RUN 4 FFWPU
Pormenores à parte, os últimos quilómetros foram de puro sofrimento e de alguma estranheza. Eu não tenho no relógio a indicar-me em que quilómetro vou mas estava com a sensação que a prova se estava a prolongar demais. No último retorno dei aquilo que ainda tinha, que já era muito pouco, mas ainda deu para aguentar a posição que tinha e apanhar o grande Luís Brito nas últimas centenas de metros, tendo conseguido passá-lo praticamente nos últimos 100 metros apenas.

Fonte: RUN 4 FFWPU
Ao cruzar a meta, olho para o relógio da organização e percebo que algo não está bem pois estava a ver um tempo de mais de 38 minutos. O meu único pensamento foi "porra afinal estou mesmo mal!!". Depois consultei o meu relógio e vejo os quilómetros: 10.9km. E tudo fez sentido. A prova era suposto ter 10km... mas pronto, mais vale a mais que a menos.

Fonte: RUN 4 FFWPU
Acabar/começar a época (nem sei bem o que isto foi eheheh) com um 10° lugar na geral foi um bom resultado. Mas o meu principal objetivo foi ajudar a minha equipa e o esforço foi recompensado com um excelente 2° lugar coletivo apenas a escassos 3 pontos do Vitória de Setúbal!

Fonte: RUN 4 FFWPU
Depois desta pequena "loucura", vou continuar a treinar com calma, sem grandes aventuras. A única coisa que me interessa esta época ainda está a muitos meses de distância... mas lá chegaremos!

Equipa fantástica!

Resultados: 2ª Corrida das Festas de Loures

2ª Corrida das Festas de Loures
julho 24, 2018
6

Comentários

  1. Parabéns pelo excelente "treino".
    A prova era suposto ter 10km e teve quase 11km!!! Estou estupefato. Alguém andou a dormir nas medições :)))
    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois não entendi muito bem Edgar... Mas pronto se fosse a menos chateava-me mais! :)

      Abraço

      Eliminar
  2. Quando se sabe que a distância não é a anunciada, devia ser comunicada...

    Parabéns pelo esforço!

    Fiquei curioso em saber o que ainda falta alguns meses :)

    Um abraço e bons treinos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim nem que fosse pelo speaker ou assim...

      Quando tiver a certeza comunico :) mas não é difícil de adivinhar ehehe

      Um abraço

      Eliminar
  3. A pergunta é: e o teu treinador já leu este post? :)
    Já li no facebook explicações para esta questão da distância, algo sobre querer passar a uma determinada rotunda mais emblemática, ou coisa assim. Seja como for, é um erro tremendo da organização!
    Bons treinos e... muita curiosidade para o que vem aí.
    Abraço!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Epa ele ainda não me disse nada acreditas? :) mas amanhã vou estar com ele, estou lixado, vou ficar com as orelhas quentes!

      Epa isso por mim tudo bem mas tal como o João disse bastava anunciarem antes..

      Um abraço!

      Eliminar

Enviar um comentário

Search

Popular Posts

Análise Domyos T900C

Finalmente, o prometido já há algumas semanas! Fiquem com a minha análise à p…

Zurich Maratón de Sevilla 2019

Há momentos na vida em que temos de decidir aquilo que nos define. Eu felizment…

Corrida da Árvore 2015

Sabem uma coisa? Já andava ressacado com falta de provas. Apesar de ter ido aos…

2020.

Acho que estas últimas semanas conseguem refletir bem o que 2020 está a ser. Es…

MultiSport Weekend Coimbra 2021

Não sei começar este artigo. A última vez que escrevi sobre uma prova foi em 16…

Contact Me