terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

Análise Adidas Supernova Glide boost 7

Durante muito tempo tive um trauma com ténis que não fossem de pronação. Andava com bastante medo das lesões mas com o passar do tempo algum desse medo desvaneceu-se e decidi sair da minha zona de conforto e apostar em uns Adidas Supernova Glide boost 6. Quem me acompanha deve-se lembrar como isso correu bem (ou não, ler aqui). Mas uma coisa ficou-me na retina: a boa sensação que o boost nestes Glide me davam a correr. Então decidi apostar na versão 7 destes ténis. E sim, são roxos.

Adidas Supernova Glide boost 7

As diferenças para a versão 6 não são abismais. Aliás verdade seja dita que sem ser alguns pormenores de design, são bastante parecidos mesmo. A diferença sente-se a correr. Os Glide 6 senti-a que eram ténis para todo o tipo de ritmos. Com os Glide 7 a coisa muda de figura. O impacto com o solo não é tão "fofo" como no modelo anterior, o que dá a sensação dos ténis não terem sido desenhados para pastelar. Mas já lá iremos. Depois de 200 km vamos ver o que tenho a dizer sobre estes ténis.

Adidas Supernova Glide boost 7

Na minha opinião e como gostos não se discutem, sinceramente acho os ténis muito bonitos. Sim gosto de uns ténis roxos. Têm um design sóbrio mas ao mesmo tempo as pequenas diferenças para o modelo anterior notam-se e dão-lhes um ar mais agressivo, fugindo ao ar "pastelão" que os anteriores tinham. Sobre conforto e tendo em conta que tenho tendência a treinar com ténis mais rápidos, estes têm nota 10. Mesmo em ritmo alto (tenho andado a fazer treinos bastante rápidos com eles) continuam com um conforto excelente. Em treinos longos então nem se fala, são realmente confortáveis e até me sinto melhor com eles do que com o modelo anterior. Em termos de respirabilidade tenho os achado excelentes. Porém a verdade é que os tenho experimentado no Inverno, ou seja, com mais calor não sei se não poderão ser ligeiramente quentes.

Adidas Supernova Glide boost 7

Como já disse antes, algo mudou a nível de amortecimento. Com os Glide 6 eu consegui-a (consigo) andar em ritmo lento, médio e rápido (exceto fartlek/séries)  e sentir-me bem. Neste modelo tenho de riscar o ritmo lento da lista. O impacto com o solo é mais forte do que é suposto quando estamos a pastelar. Por outro lado, sinto que era capaz de fazer farlek com eles. Mas mais uma vez isto é a minha sensação pois segundo a Adidas, o material Boost na sola é maior face ao modelo anterior. Em relação à aderência, apenas uma palavra: Continental. E é isto que faz a diferença para as outras marcas. É realmente bom correr com uns ténis que agarram tão bem à estrada independentemente da condição atmosférica.

Este já é um modelo com praticamente um ano de mercado. No entanto, eu gosto de escrever sobre material que realmente gostei e que penso que outras pessoas podem beneficiar com isso (e pelas fotos podem ver que realmente tenho usado os ténis!). Acredito que os Boost 8 estejam para sair mas sinceramente se no que restam dos saldos e outras reduções apanharem este modelo, na minha opinião vale cada euro.

Pontos Positivos
+ Conforto
+ Estabilidade
+ Amortecimento (ritmo moderado/rápido)
+ Respirabilidade
+ Aderência
+ Estética (opinião pessoal)

Pontos Negativos
Nada a apontar.

Adidas Supernova Glide boost 7

Adidas Supernova Glide boost 7

Adidas Supernova Glide boost 7

PS: No primeiro post sobre este modelo disse que tinha solucionado o caso das dores que os Glide 6 me davam. A solução foi realmente simples e até a tinha em casa: palmilhas com pronação. E pronto é isto, não há mais nada a acrescentar :) 


9 comentários:

  1. Ou seja, precisas de apoio, não necessáriamente vindo dos ténis, ou sapatilhas ou calçado ;)

    Hmm...tenho que ver essa ideaia, assim o leque de ofertas é maior.

    Guanto aos Glide, além de roxos, já me chamaram a atenção, mas primeiro não tido como neutros e depois da adidas costuma ter um espaço para os dedos apertado.

    Tenho que lhe dar uma nova vista, já há uns anos que não experimento nada deles.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A Decathlon tem lá um ou dois modelos de palmilhas com pronação :)

      Os Glide têm bastante espaço para os dedos. Os Boston e Adios por exemplo é que já apertam bastante.

      Eliminar
  2. Pois comprei há uma semana uns iguaizinhos no freeport por 65€!!! Corram que talvez ainda encontrem

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Excelente preço! Eu comprei em Dezembro por 75€ e ainda com 30% em cartão sport zone.

      Eliminar
    2. Eu comprei cortes ingles iguais cor e tudo 55 euros

      Eliminar
  3. Respostas
    1. Nunca experimentei mas já me falaram muito bem!

      Eliminar
  4. Pois é meu amigo Vitor se cortares as unhas já não te ficam apertados ;-)))))...... Abraço e bons treinos

    ResponderEliminar