Análise Calças de Corrida Kiprun Light



Estes últimos meses têm sido um exercício interessante de análises fora da minha zona de conforto. Desde aquecedores para calçado, a equipamento de trail, a roupa de treino, passando pela suplementação. A verdade é que isto é mesmo algo que eu gosto de fazer: analisar e rever equipamento de áreas que me apaixonam. E claro está que aqui estamos a falar de corrida. Se fossemos falar de tecnologia... houvesse tempo para tudo!

Desta vez vou falar de algo que nunca na vida me tinha visto usar mesmo. Até há uns anos, calças justas (vulgo leggins) de corrida, era algo que estava fora do meu equipamento. Isto até ter as primeiras e ver o conforto que me davam naqueles dias em que o frio aperta. E honestamente, comecei a gostar até de me ver com elas. Agora calças assim mais largas de corrida? Só nos atletas mais profissionais é que parecia que ficavam bem. Aliás, nesses tudo parece assentar que nem uma luva. A nossa mente funciona de forma estranha.

Com este pormenor não há em loja :D

Quando a Decathlon me propôs experimentar umas calças de corrida, confesso que desconfiei. As calças Kiprun Light depois de vestidas são justas mas largas ao mesmo tempo. Parecem umas típicas calças de fato de treino à primeira vista, mas depois de vestidas nota-se a leveza (200 gramas no tamanho L) e dão-nos a sensação de completa liberdade de movimentos. Para ajudar a vestir, têm fechos na parte inferior, não sendo assim necessário andar a posições estranhas quando nos estamos a equipar. Dado que estas calças não têm forro interior, torna-se obrigatório usar boxers. Coisa que honestamente nunca tinha usado. A correr malta, a correr. 

A respirabilidade delas é algo bastante interessante dado que não ficam limitadas a serem usadas durante o tempo mais frio. O tecido é bastante fino (e já tinha dito leve?) e em diversas zonas está cheio de pequenos furos para ajudar nesta questão. Portanto acabam por ajudar a manter-nos quentes quando está mais frio, mas também não vamos morrer de calor como acontece quando usamos erradamente as leggins naquele tempo intermédio. Outro ponto positivo, são os bolsos. Sim os bolsos. Acho que muitas das vezes este é um ponto menosprezado em calções e calças de corrida. Nestas Kiprun têm um excelente bolso na parte de trás e ainda dois bolsos laterais. Os três com fecho de correr de boa qualidade.

Concluindo, resta-me dizer que tenho usado e abusado destas calças. Para além de gostar de as usar casualmente quando me desloco para ir treinar ou para uma prova, uso-as para fazer os aquecimentos e até para os dias em que saiu apenas para fazer treinos mais leves. Confesso que gosto da sensação de correr com elas. É um daqueles casos que primeiro estranha-se e depois se entranha. Se andam à procura de uma peça de equipamento semelhante (com a cereja no topo do bolo de ser uma peça que faz parte uma linha ecosustentável), fica aqui a minha recomendação!

Podem encontrá-las aqui:

Calças de corrida Kiprun Light (homem)
Calças de corrida Kiprun Light (mulher)

Fiquem com mais uma fotos:





Análise Calças de Corrida Kiprun Light
fevereiro 21, 2023
0

Comentários

Search

Popular Posts

Análise Nike Pegasus 39

Eu tenho uma opinião muito própria sobre o calçado da Nike. Essa opinião foi fo…

Análise Kiprun KS900

Esta época faz 10 anos que comecei a levar esta coisa da corrida um pouco mais …

Análise Joma R.3000

Não há dúvida que a palavra carbono veio revolucionar o mercado dos ténis . Des…

Análise Kiprun KS900 Light

Existem modelos que nos caem no goto. Durante anos a fio, para treinar fui um a…

Análise Kiprun KD900X

Acredito que este seja um dos artigos mais esperados desde que tenho este blog,…

Contact Me